Tarouca: uma cidade cheia de encantos surpreendentes

Tarouca: uma cidade cheia de encantos surpreendentes

Localizada no Distrito de Viseu, na sub-região do Douro e Vale do Varosa, Tarouca é uma cidade cheia de encantos surpreendentes. Paisagens, recursos naturais, monumentos e património histórico-cultural têm atraído muita gente ao longo dos tempos.

Fonte: All About Portugal

 

Antes de mais, visitar Tarouca é ter a oportunidade de explorar um dos recantos mais apaixonantes da região duriense. Assim, e no sentido de se inspirar para uma próxima aventura pelo pedaço mais belo de Portugal, deixamos aqui algumas das melhores atrações do concelho tarouquense.

De facto, são muitas e imensamente cativantes. Deixe-se, enfim, levar em mais uma viagem pelas maravilhas do Douro!

 

Ponte Fortificada de Ucanha

Antes de tudo, a ponte está documentada desde o século XIII e fazia parte de uma antiga via medieval que ligava Lamego às terras de Riba-Côa.

A ponte medieval lançada sobre o rio Varosa e a torre à entrada, sobre a margem direita, formam no seu conjunto um raro e magnífico exemplar de arquitetura civil gótica em Portugal. 

Por fim, em redor das idílicas margens do Varosa aglomera-se a pequena aldeia com o seu casario antigo. 

Fonte: Rotas Lusitanas

Caves da Murganheira

Uma cave original, escavada em rocha de granito azul, na qual, em vez das tradicionais pipas, está repleta de garrafas de espumante. Como o próprio nome indica, é aqui que se produzem os famosos vinhos e espumantes das Caves da Murganheira.

Assim, estes néctares desenvolvem-se naturalmente nas suas garrafas, passando por diversos estágios até atingir a maturação necessária.

Em suma, um edifício moderno, com ambiente muito acolhedor, que é um dos pontos de paragem obrigatória na zona de Tarouca.

Fonte: Grandes Escolhas

Mosteiro de Santa Maria de Salzedas

Está situado na freguesia homónima, no concelho de Tarouca e a sua construção começou em meados do século XII (1155) e foi, no seu tempo, um dos maiores mosteiros cistercienses de Portugal. 

Posteriormente, em 1255, foi sagrado quando o complexo monástico ficou completo, sendo hoje uma igreja de grandes dimensões. Sobressai, imponente, no meio do casario uniforme da pequena povoação que se formou a oriente.

Após várias remodelações, mantém hoje uma fachada setecentista e, no seu interior, ainda se encontram vestígios da estrutura primitiva.

Visitar este mosteiro é, acima de tudo, uma autêntica viagem no tempo!

Fonte: Rotas Lusitanas

Ponte Românica de São João de Tarouca

Primeiramente, este belíssimo exemplar de arquitetura civil está localizado na freguesia com o mesmo nome, no município de Tarouca. 

A Ponte Românica é construída em granito e atravessa o rio Varosa, fazendo a ligação das margens aquém-além do rio na povoação de São João de Tarouca.

Mais um monumento que deverá, sem dúvida, visitar.

Fonte: Câmara Municipal de Tarouca

Mosteiro de São João de Tarouca

Este foi o primeiro mosteiro masculino cisterciense edificado em território português, sendo intimamente ligado à fundação da nacionalidade portuguesa e à figura de D. Afonso Henriques.

Posteriormente, o complexo monástico foi largamente ampliado nos séculos XVII e XVIII com a construção de novos edifícios, de entre os quais se destaca um novo e colossal dormitório, de dois pisos, único em Portugal.

Entretanto, foi classificado como Monumento Nacional e integra desde 2009, juntamente com mais dois monumentos (Mosteiro de Santa Maria de Salzedas e Convento de Santo António de Ferreirim), o Projeto Vale do Varosa

Como resultado, este mosteiro é um dos lugares mais procurados por quem visita a região do Douro e do Varosa.

Fonte: Direção Regional de Cultura do Norte

Miradouro de Alcácima

Por fim, como não podia deixar de ser, um miradouro para observar as magníficas vistas envolventes, não estivéssemos nós a falar da região do Douro.

Em suma, desperte os seus sentidos e deixe-se levar por esta cidade cheia de encantos surpreendentes.

Fonte: TripAdvisor

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *